Virtual ou Real?

O tempo em que vivemos, para alguns de nós, surpreende-nos a cada passo, no tipo de linguagem, de conduta, moda, etc. Não é mau, desde que não nos influencie a viver o que não somos, deixando para trás ou para segundo plano, a vida que queremos e precisamos viver. Por causa das novas tecnologias e para estarmos em dia com o progresso, falamos o que não sabemos, vivemos o que não queremos. Em muitos casos, alguns deixam de ser o que são, não para se sentirem bem consigo mesmos, mas para estarem bem com os seus amigos e colegas.

Não é coerente querermos ser o que não somos, e muito menos, vivermos acima daquilo que é a nossa realidade.

O avanço tecnológico tem, sem dúvidas, os seus benefícios, quando são usados de modo adequado. Mas deixar-se influenciar e arrastar por eles, para viver uma vida que não é a sua, é de lamentar.

Nas redes sociais, tornamo-nos amigos virtuais de algumas pessoas, e a vida desses, por vezes, está mais ligada ao computador do que às pessoas que o rodeiam. A vida de muitos depende da conexão com os seus novos e velhos amigos, através da internet.

Será que estes modismos são uma forma de manipulação ou de sedução  para nos entorpecer o entendimento, para não vivermos aqui e agora? Será que alguns dos nossos amigos que vivem dependentes das redes sociais, sobreviveriam se elas deixassem de existir?

Se usamos estas coisas para nos aproximarmos mais, e com mais rapidez das pessoas e das coisas, pode ser que valha a pena. Mas se serve para prender e subjugar, e levar-nos a viver o que não somos, quão prejudicial é. É provável que muitos, na realidade, nem sejam comunicativos e amáveis, mas através de um monitor de computador, sejam as pessoas mais maravilhosas do mundo.

Desfrute destes meios, mas não dependa deles. 

Para aqueles que já têm um relacionamento íntimo com Deus, para os filhos de Deus, lembrem-se: 

“Se, pois, fostes ressuscitados juntamente com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus. Pensai nas coisas que são de cima, e não nas que são da terra; porque morrestes, e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus.” Colossenses 3:1-3.

Read more...

O Retorno do Pecado

“ Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é escravo do pecado. “

Mat 26:69 Ora, Pedro estava sentado fora, no pátio; e aproximou-se dele uma criada, que disse: Tu também estavas com Jesus, o galileu. 

Mat 26:70 Mas ele negou diante de todos, dizendo: Não sei o que dizes. 

Pedro deu-se conta do que tinha feito. Acabava de negar a Jesus.

Podemos ver a sua dor e a sua vergonha quando ele se recorda das palavras de Jesus :   “Antes que o galo cante, três vezes me negarás.” E, saindo dali, chorou amargamente. 

Mais tarde Pedro pode confessar abertamente, por três vezes o seu amor por Cristo Jesus, mas até lá teve de se enfrentar com a recordação vergonhosa de ter negado a Cristo pelas mesmas três vezes.

Precisava de saber que era perdoado. O Senhor Jesus Cristo perdoou-o e lhe entregou uma nova comissão e uma nova oportunidade para, realmente, provar o seu amor e responsabilidade.

João 21:17  Perguntou-lhe terceira vez: Simão, filho de João, amas-me? Entristeceu-se Pedro por lhe ter perguntado pela terceira vez: Amas- me? E respondeu-lhe: Senhor, tu sabes todas as coisas; tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta as minhas ovelhas. 

 O efeito ou resultado do pecado em nossa vida é desastroso e pode vir a não ter remédio, em especial aos que já provaram do imenso amor de Cristo na sua vida, a menos que verdadeiramente tenham um genuíno arrependimento e possam Encaminhar a sua Vida em Jesus Cristo que é a Verdade,

Pr 28:13  O que encobre as suas transgressões nunca prosperará; mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia.
Quantas vezes por nossos pensamentos palavras e atos negamos ao Senhor?

Read more...

Falta-te uma Coisa!..

Se tem Bíblia, por favor, antes de ler o artigo leia esta passagem da Escritura - Marcos 10:17-24.

A maior parte das pessoas, e este pode até ser o seu caso, acredita que os favores, sejam eles provenientes de Deus ou dos homens, têm que ser ganhos. Não nos admira pois, que na história que a Bíblia nos relata, o homem que correu para ele, lhe tenha perguntado: Bom Mestre, que hei de fazer para herdar a vida eterna? V.17

Se as coisas se passassem desta forma, deixariam de ser favorecidas e passariam a ser: compradas, trocadas ou merecidas. As coisas concedidas gratuitamente por Deus, têm que simplesmente ser recebidas. Elas são-nos dadas, porque Deus se dispôs a fazê-lo. 

Tem a ver com a generosidade de Deus e não com qualquer merecimento nosso.

A Palavra de Deus mostra-nos como se alcançam os favores de Deus. Vejamos então o que faltava a este jovem! 

O QUE LHE FALTAVA NÃO ERA A GUARDA DA LEI. (V.19,20) 

Quantos de nós poderíamos responder como este homem? Guardando os mandamentos. 

Como era rico, talvez fizesse boas-obras para ser visto pelos homens Mateus 6:1,2 

Para outros o guardar os mandamentos, não passa de uma citação. Mas lembra-te de Gálatas 3:11. 

… O QUE LHE FALTAVA NÃO ERA “O DAR ALGO AOS POBRES”...V.21

Não há nenhum mérito nisso, deve ser algo natural. Atos 2:45

O ser generoso com os pobres e necessitados, não pode ser uma imposição de quem quer que seja, deve ser algo que surge no e do coração.

… O QUE LHE FALTAVA, ERA JESUS. V.21

“Vem e segue-me”

A nossa renúncia é o que abre caminho à vida eterna.

Jesus disse: “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida…” João 14:6

Podemos não ter muitas coisas, mas se temos Jesus temos tudo. Ao passo que, se podermos ter muitas coisas, mas se não tivermos Jesus, não temos nada...

A narração bíblica diz que o jovem se retirou triste. v. 22. Mas não foi ele que perguntou a Jesus o que devia fazer?

E tu, caro leitor, estás disposto a aceitar o Único e Verdadeiro meio para seres salvo, JESUS CRISTO, ou ainda queres  continuar a procurar outros meios? Lê na Bíblia, ATOS 4:12.

Read more...
Subscribe to this RSS feed

Comentários

Enlaces Ministeriais

Enlaces Ministérios Cristãos que colaboram direta/indiretamente em Portugal e Internacional.

Enlaces Institucionais

Enlaces institucionais de ajuda e apoio ao próximo

Outros Enlaces

Outros enlaces de colaboração e serviços