SINAIS DE DEUS

“Estava, então, ENFERMO um certo Lázaro, de Betânia, aldeia de Maria e de sua irmã Marta.
 E Maria era aquela que tinha ungido o Senhor com unguento e lhe tinha enxugado os pés com os seus cabelos, cujo irmão, Lázaro, estava ENFERMO. Mandaram-Lhe, pois, suas irmãs dizer: Senhor, eis que está ENFERMO aquele que Tu amas. 


E Jesus, ouvindo isso, disse: Esta ENFERMIDADE não é para morte, mas para glória de Deus, para que o Filho de Deus seja glorificado por ela.
Ouvindo, pois, que estava ENFERMO, ficou ainda dois dias no lugar onde estava…” João 11:1-4,6


A diferença entre um milagre e um sinal é sobretudo porque o Sinal tem um efeito na humanidade muito mais glorioso e abrangente.

Enquanto Jesus cumpria a Sua Missão divina neste Mundo, ia muitas vezes a Betânia, à casa dos seus amigos Lázaro, Marta e Maria, e ali partilhavam de ceias onde o mais sublime e divino ambiente não faltava e onde se revelava o melhor que há no coração humano. Mas Jesus viajava muito, percorrendo as terras da Galileia, tocando vidas, sarando vidas, trazendo Luz aos homens.

Numa dessas viagens, Lázaro adoeceu e isto trouxe bastante desgosto às suas irmãs e amigos, ao ponto de elas enviarem mensageiros a Jesus para que fosse informado da situação do seu irmão, pois era muito grave.
Mas Jesus não foi de imediato e enviou recado pelos mensageiros de que a enfermidade de Lázaro não era “para morte, mas para glória de Deus, para que o Filho de Deus fosse glorificado por ela.”

Todos nós ficamos perplexos ao ver que a necessidade de Lázaro era grande, as suas irmãs estavam aflitas e a única coisa que Jesus fez, foi dizer que essa enfermidade não era para morte. É claro que Jesus sabe mais do que nós sobre todas as coisas, mas como homens que somos, pensamos que o melhor que deveria ter sido feito, era Jesus ter ido. Mas o texto bíblico diz-nos que Jesus: “Ouvindo, pois, que estava enfermo, ficou ainda dois dias no lugar onde estava.”

É aqui que muitos se perdem e começam a fazer julgamentos precipitados sobre o facto de Jesus aparentemente não ter feito “nada” perante a necessidade desta família que eram os Seus amigos mais chegados. Na mensagem de Marta e Maria, dizia: “Senhor, eis que está enfermo aquele que Tu amas.”
“Jesus amava a Marta, e a sua irmã, e a Lázaro.”  


Humanamente ficamos embaraçados. E se amamos Jesus, não sabemos como responder, por que razão Jesus sabendo da situação de Lázaro e das suas irmãs, e do amor que lhes tinha, não foi ter com eles?

Sabemos que Jesus, tudo faz bem feito. E aprendemos através desta história a aceitar em confiança o agir de Jesus. Para as pessoas que ainda não conhecem o coração de Deus, parece ser uma boa razão para lhe apontar o dedo, para O acusar de indiferença para com os que sofrem. Mas essa não é a verdade! Os julgamentos humanos são injustos, pois não conseguimos ver em todas as perspetivas como Deus vê.

Mesmo que eu e tu não compreendamos tudo, a Palavra de Deus diz-nos: “E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados por seu decreto.” Romanos 8:28

Por isso quando João continuou a escrever o que lhe foi inspirado por revelação divina, leva-nos a perceber o “porquê” e o “para quê” de muitas coisas.

Passados dois dias, Jesus disse aos Seus discípulos: “Lázaro, o nosso amigo, dorme, mas vou despertá-lo do sono. Disseram, pois, os Seus discípulos: Senhor, se dorme, estará salvo. Mas Jesus dizia isso da sua morte; eles, porém, cuidavam que falava do repouso do sono. Então, Jesus disse-lhes claramente: Lázaro está morto.” ” V.11-14

Se Jesus tivesse ido logo na altura em resposta ao apelo das suas irmãs, o SINAL que Deus queria operar não seria tão glorioso. O facto de Jesus ter ficado, começa então a fazer algum sentido para nós. “…E FOLGO, POR AMOR DE VÓS, DE QUE EU LÁ NÃO ESTIVESSE, para que acrediteis. Mas vamos ter com ele.” Verso 15

Jesus amava esta Família que agora estava em dor por causa da perda de Lázaro. Mas a razão de Jesus não ter ido logo, foi por amor aos Seus discípulos. Aprendamos a esperar no tempo e na hora de Deus, porque só Ele está na posse de toda a informação.
 
“Folgo por amor de vós, que Eu lá não estivesse…” Estas palavras trazem grande consolo. Jesus não demorou a ir a Betânia. Ele foi na altura certa porque tinha um objetivo! Os Seus discípulos presenciariam UM SINAL para que pudessem vê-Lo ainda de forma mais gloriosa e crerem Nele e no Seu Poder.

Se Jesus estivesse a pensar só em Lázaro, em Marta ou em Maria, não ia alcançar o coração dos Seus discípulos. Mas quando Jesus chegou alguns dias mais tarde, abençoou tanto a Família de Betânia, como os Seus seguidores e os habitantes de Betânia que tiveram oportunidade de assistir à ressurreição de Lázaro que já estava sepultado havia quatro dias, em putrefação. “Muitos, pois, dentre os judeus que tinham vindo a Maria e que tinham visto o que Jesus fizera creram Nele.” João 11:45

Jesus conhece o teu sofrimento e as tuas necessidades! Ele sabe o que estás a passar, mas tem o Seu tempo e momento certo de agir. E sobretudo, os objetivos de Deus que tu e eu podemos não entender, somos chamados a confiar Nele para vermos a glória de Deus. “Se crermos veremos a glória de Deus”, é a Promessa de Jesus. Ele está no controlo! Espera inteiramente na Sua graça!

J.F.
Posted in
Tagged with , , , ,

No Comments


Recent

Categories

Archive

 2020

Tags

APRESENTAR BLOG Bíblia COVID-19 Deus Israel Jerusalem Miguel Diez SACRIFICIO aflição aliança evangelica alma amigo de deus amizade amor de Deus amor animo ansiedade anunciar aperfeiçoar apoio social armadura de Deus atitudes atleta barro bem biblia boas novas boas perspectivas caminho campanhas cansados casamento compromisso comunidade confiança confiar conhecer consolo convivio coração coronavirus corpo do messias crer crianças órfãs crise cristo cristãos cruz cuerpo de cristo cuidar cura decisão descanso destino deus cuida de nós direção discípulo divino doença enfermidade escolha esforça-te espirito santo eternidade eutanásia evangelho fariseus feliz fe filho de Deus fortaleza higiene homem de dores homem hora humano iccm sintra iccm idolos igreja inauguração iccm sintra indiferença iniquidade interceder inverno jesus jovens cristãos jovens iccm loucura poder de Deus luis santos luz mais que vencedores mal marcha por jesus medo menino mensagem mente mestre missões morte moçambique natal nomes Deus noticias nova vida novo ano não obediencia oleiro oração pac palavra pascoa pastores iccm pecado perfeitos pergunta perseguição poder portugal para jesus pregar prevenção covid19 procurar promessas prudente que será quem sou reflexão refugio rejeição remarportugal remar ressurreição retiro esther reunião ministerial sabedoria saber viver salvação sarado sedento sefarad israel semana santa senhor servir sim sinais sobreviventes socorro sofrimento stream tempestades tristeza valor vencedores venho avisar verdade verão vida vigilia youth for christ